quinta-feira, 12 de janeiro de 2012



"Parecia haver uma confluência de águas, por um momento, um instante que pareceu infinito nos segredamos um ao outro..."

(Angella Reis)

3 comentários:

Will disse...

Esses rios inevitavelmente correm para o mesmo mar...

SweetMelody disse...

Olá a partir de França
Aprecio muito a sua visita ao meu blog e, especialmente, o seu comentário.
Uma vez que não vai doer, eu apenas sobre blogging, neste domingo.
Esta manhã, depois de ter uma caminhada muito longa na natureza tudo branco de neve.
Ar puro, e um pouco de frio não faz mal.
Vejo que seu blog é sempre tão bela, eu diria que é apenas um reflexo de nós mesmos, e é isso que é importante, esta evasão pouco.
Desejo-lhe uma grande domingo
beijos
amigável
Chris

e minha pequena imagem do dia, não me esqueço
http://nsm01.casimages.com/img/2009/03/31/090331034551505743404054.jpg

Fanzine Episódio Cultural disse...

DEDICADO À UMA VOZ

Voz que encanta
Que cura
Que apazigua minh´alma
-Não permitas que te calem

Tu emanas o canto
Que silencia as sereias
E diante do espelho as faz corar.

Voz que ouço e que atendo:
És musa, deusa e talento
Inspiradora do meu ego
Defensora dos meus julgamentos

Tu és como o mel – suave e doce
Mas, enfurecida,
És firme e forte como o fel

Sem pedir entraste em meu poema
Disfarçando-te em versos.
Contida estas entre palavras
E ao subjetivar-me... te admiro!

*do livro (O ANJO E A TEMPESTADE ) de Agamenon Troyan

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails